sexta-feira, 23 de outubro de 2009

ENTRE O MAR E O OLHAR




ENTRE O MAR E O OLHAR

de
Maria Zélia Gomes

Entre o mar e o olhar
Há um rio a soluçar
O pranto de amor perdido …
Mas entre o Céu e o luar
Há esse sol a espreitar …
O sonho de amor vivido!
23.06.2007

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

A LUZ DO SOL ME SORRIU




A LUZ DO SOL ME SORRIU

de
Maria Zélia Gomes


Faz-me falta a luz do luar
No teu olhar a brilhar
Nesse olhar da cor do céu
Só do sol eu tenho a luz
Essa luz que me conduz
A esse universo teu

Faz-me falta a minha estrela
Dei tudo pra não perdê-la
Mas sem cuidar … me fugiu …
Agora que a luz do luar
Está reflectido no mar
Só luz solar … me sorriu!

15.08.2009



sexta-feira, 16 de outubro de 2009

MULHER POETISA


MULHER POETISA

de
Maria Zélia Gomes


Pudesse este
Meu olhar
Cavalgar a
Luz do luar
Trazer diáfana
A brisa …
Iria pedir
Ao vento
Raios breves
De alento
Neste doce
Pensamento
De mulher e …
Poetisa!

A VIDA

http://mulherde30.blogs.sapo.pt/arquivo/sophie%20thouvenin.jpg
A VIDA
de
Maria Zélia Gomes

Dilui-se a vida
No tempo …
No espaço …
Na madrugada …
No fulgor da
Alvorada
Se o sonho
Já não é nada
Se o mundo
É essa estrada
Que conduz
Ao infinito
Vai-se a vida
Num segundo …
E o mundo …
De tão imundo
Num canto
Tão furibundo
Esvai-se …
Segundo a
Segundo …
Neste meu
Profundo grito!
04.08.2004

BEM DENTRO DO CORAÇÃO

http://fotocache02.stormap.sapo.pt/fotostore01/fotos//36/7b/ca/19113_004xg7eh.gif

BEM DENTRO DO CORAÇÃO

de
Maria Zélia Gomes


Bem dentro do coração
Fechado a cadeado
Guardei um amor sofrido
Hoje essa grande paixão
Já pertence ao passado
É um fado entristecido

Canto esse tristonho fado
Renasce em mim o pecado
Desse amor que venerei
E o eco da voz sofrida
É silêncio em minha vida
Na vida … que tanto amei!
16.10.2009

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

NO CANTO DO MEU OLHAR


Enviado: 15/10/2009 17:56
NO CANTO DO MEU OLHAR


de
Maria Zélia Gomes


No canto do meu olhar
Há um sol a radiar
E odores de maresia
à beira-mar … praia mar
E as ondas a marulhar
Emprestam grande magia

Sobre as ondas de alva espuma
Já vai descendo a bruma
Vai o raio de sol dormir
No centro do meu olhar
Há delírios a sonhar
E um beijo sempre a sorrir!

15.10.2009

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

ROSA AZUL
















ROSA AZUL
de
Maria Zélia Gomes

No meu jardim de encantar
Vi uma rosa brotar
De um azul fluorescente …
Diferia das demais …
Tinha o brilho ee cristais …
Um brilho tão transparente …
E essa rosa tão azul …
Que nasceu virada a sul …
Ninguém a irá colher …
Ficará aqui p’ra sempre …
Na alma … eternamente …
Até quando … Deus quiser!
08.11.2006










DEITADA NA FINA AREIA



DEITADA NA FINA AREIA

de
Maria Zélia Gomes


Deitada na fina areia
Olho o céu e a lua cheia
Parece estar a sorrir
Para os pés me beijar
Sinto uma onda do mar
Que chega pra logo ir

A onda que me beijou
Que meu querer abraçou
Que me veio bafejar
Deixou-me na fina areia
Olhando a lua cheia
E voltou para alto mar!
28.09.2009

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

TOADA


TOADA
de
Maria Zélia Gomes

Sigo ao longo da estrada
Com o fervor no olhar
E em meio da alvorada
Com a noite enluarada
Ouço ainda a toada
Da melodia entoada
E na minha boca molhada
Sinto o ardor …
Do teu beijar!
01.03.2006


Mariazelia3941.gif picture by Damita_bucket